Blog
link building

Tudo o que você precisa saber sobre link building

23/03/2021 | Por Juliana Cocurutto

Uma das principais estratégias para potencializar os resultados do marketing de atração, o link building é a ação responsável por promover mais visibilidade da marca, aumentar a presença nos mecanismos de busca, melhorar o tráfego orgânico e otimizar os resultados de SEO.

No entanto, ao mesmo tempo em que é reconhecido no mercado e considerado efetivo, o link building precisa passar por mudanças e atualizações frequentes. Afinal, esse processo está intimamente ligado às diretrizes e boas práticas dos motores de busca, como o Google, para que a empresa seja considerada relevante e ganhe maior notoriedade.

Neste sentido, só com essa sintonia fina com as normas do Google e seguindo tais normas, os negócios vão conseguir gerar backlinks realmente estratégicos e atingir os objetivos esperados de potencializar o ranqueamento.

Para isso, os profissionais que realizam as táticas de link building devem se manter antenados com as novidades, já que algumas ações caem em desuso e outras passam a ter maior destaque, como vamos ver melhor a seguir.

Inclusive, para te ajudar a tirar suas dúvidas e entender melhor sobre o assunto, preparamos um conteúdo completo sobre essa estratégia.

Leia também: Otimização de sites: 3 dicas de SEO para rankear sua página no Google

Qual a importância do link building?

Na prática, o link building é uma estratégia desenvolvida para conseguir links de outros sites de relevância apontando para determinadas páginas da sua empresa. Isso porque o Google melhora a reputação e a autoridade de um site ou empresa a partir dos links recebidos.

Em outras palavras, links que o indiquem como referência em um assunto são um dos requisitos para SEO, já que atestam a qualidade e a credibilidade do seu conteúdo e mostram confiança no seu trabalho. Por isso, alcançar esses links se tornou um objetivo tão desejado.  

Como mencionado anteriormente, o link building, quando bem executado e realizado com sucesso, gera inúmeros benefícios, como por exemplo:

  • Melhora a autoridade do domínio;
  • Eleva a performance orgânica do site;
  • Aumenta o ranqueamento de palavras-chave estratégicas;
  • Incrementa o tráfego do site com maior atração de visitantes;
  • Contribui para a conversão de leads.

Se quiser verificar mais vantagens e razões para implementar o link building no seu negócio, vale a pena acessar este nosso conteúdo aqui.

Quais as principais ações de link building?

Neste cenário, as empresas B2B realizam diversos tipos de ações para conseguir emplacar esses links em outros sites, veículos e portais. Porém, algumas práticas já são descartadas pelo Google e até consideradas prejudiciais, como a pura troca de links. 

Confira, a seguir, o que é proibido, o que pode ser usado desde que corretamente e as ações mais adequadas.

Troca de links: proibido

Antes, por exemplo, era bastante comum entre os profissionais da área de marketing digital fazerem uma simples ‘troca’, com um artigo da empresa X com link apontando para a empresa Y e vice-versa.

Contudo, isso passou a ser considerado uma forma de burlar os robôs do Google, tornando-se uma técnica de Black Hat e passível de punições aos sites envolvidos, já que se tratava de uma negociação de links e não uma linkagem autêntica e orgânica.

Entre os esquemas proibidos pelo Google, estão por exemplo:

  • Negociação de troca de links de modo artificial;
  • Criação de diversas páginas de parceiros para realizar links cruzados.

E, caso você ainda tenha dúvidas sobre os riscos de punições aplicadas pelo mecanismo de busca, fique sabendo: uma vez que a prática for detectada, o Google pode derrubar bruscamente o posicionamento da sua empresa nas pesquisas ou até excluí-la completamente.

Guest post: ainda pode ser usado

Outra atividade que teve certa queda na importância dentro do Google foi o chamado guest post. Esse conteúdo escrito como convidado em outro blog, site ou parceiro era uma maneira de gerar links neste outro portal de modo orgânico, atingindo um novo grupo de usuários e melhorando o ranqueamento.

Assim, era possível atingir todas as vantagens comentadas acima no texto. Porém, o motor de busca também deixou de dar tanto prestígio ao guest post, principalmente quando este artigo vem recheado de links para o site de destino.

Por outro lado, o guest post ainda continua útil dentro do link building. Isso porque, quando feito com um conteúdo realmente de qualidade, que gere valor e não tenha links no meio do artigo, é possível aumentar a credibilidade e a visibilidade da marca.

Veja também: Transformação digital: qual é a importância da otimização de sites nesse processo?

Práticas mais recomendadas

Então, depois de ver os esquemas proibidos e uma estratégia que ainda pode ser usada quando feita corretamente, a pergunta que fica é como conseguir os links de forma natural, com um interesse genuíno em simplesmente referendar a marca.

Ao olhar por este lado, o link building pode parecer um processo complexo e trabalhoso. E, realmente, não é fácil fazê-lo. É preciso realizar um bom planejamento, pensando em todos os passos e em como ligar essas ações à estrutura de marketing digital já em vigor na empresa.

Vale destacar, como já comentamos, que os links ruins e irrelevantes podem atrapalhar o posicionamento do site e a estratégia de link building. Portanto, antes de indicar as melhores práticas, vamos falar sobre como funciona a avaliação do Google em relação aos links.

No total, são muitos fatores de análise, mas, basicamente, o motor de busca leva em conta o contexto de inserção do link, o texto que aparece no link e se o link está como dofollow ou nofollow (isto é, a sinalização de que um link externo é aceitável ou não).

Agora, vamos às principais ações a serem adotadas no seu link building:

1. Conteúdos de qualidade

Esta é uma recomendação comum para a criação de qualquer conteúdo de marketing de atração, seja rede social, blog, e-mail marketing, newsletter ou material rico. O objetivo é produzir um conteúdo realmente relevante, que atenda às dores e aos interesses da persona foco do negócio.

Para o link building, não é diferente. Assim, ao desenvolver e publicar um artigo interessante e de destaque no seu blog ou site, aumentam as chances de que outras páginas queiram fazer referência ao seu conteúdo, usá-lo para embasar opiniões e até recomendá-lo aos usuários do próprio site.

Inclusive, segundo pesquisa do Social Media Examiner, até 81% dos profissionais de marketing planejam aumentar o uso de conteúdo original.

Além disso, 72% dos profissionais de marketing online descrevem a criação de conteúdo como sua tática de SEO mais eficaz, de acordo com dados do Junto Digital.

Aliás, o que estou fazendo aqui é exatamente um link building para esses veículos que realizaram estudos relevantes, com informações que chamaram minha atenção e quero compartilhar com vocês.

2. Conteúdos épicos

A partir do entendimento de que conteúdo bom é a alma do link building, podemos ir para os próximos passos, como a criação de materiais épicos dentro do seu próprio site ou blog.

Com artigos bem ricos e completos abordando todas as dúvidas possíveis sobre um determinado assunto, é possível garantir um bom ranqueamento nas primeiras páginas, se tornando fonte de pesquisa para outros veículos que vão citar o nome da sua empresa.

Dentro da ação de conteúdos épicos, vale a pena investir nos chamados textos pilar e satélite, sendo que o pilar será o conteúdo completo explicado acima e os satélites são termos complementares ao pilar. 

Claro que existem mais detalhes técnicos a respeito de como desenvolver o pilar e o satélite adequadamente, enriquecendo artigos já existentes no seu site e criando novos, como por exemplo:

  • Um artigo direcionar para o outro e vice-versa;
  • Ter mais de 3 mil palavras;
  • Conteúdo pilar com abordagem ampla;
  • Conteúdo satélite com abordagem específica.

Esses são apenas alguns pontos. Para saber como fazemos o link building na ASB Marketing e podemos te ajudar nesta necessidade, recomendamos que você entre em contato com nossos especialistas. Temos uma equipe completa de atendimento, jornalistas, designers e desenvolvedores.

3. Promover uma boa experiência do usuário

Além do conteúdo, outra prática simples de implementar na empresa e que já deve ser uma rotina é o foco na experiência do usuário (UX). Afinal, este é outro importante fator de ranqueamento e avaliação dos buscadores. Na prática, a principal meta do UX é dar ao usuário o que ele procura no site ou blog.

Dessa forma, é possível oferecer sempre conteúdos interessantes e que mantenham o usuário pelo máximo tempo possível dentro das páginas da sua empresa. Obviamente, o objetivo final é incentivar a conversão deste visitante para fazer o teste de uma plataforma, pedir um orçamento ou entrar em contato. 

Então, esta boa prática de SEO também serve para fortalecer o processo de link building. E, para verificar se a experiência é positiva, é possível acompanhar dados, como a média de tempo do usuário no site, a taxa de retenção, a taxa de rejeição e até usar mapas de calor para ver o comportamento do usuário na página.

Leia também: Como elaborar um planejamento estratégico de Marketing Digital?

4. Prospecção de links de forma ativa

Agora, vamos abordar técnicas que vão exigir a criação de um processo um pouco mais complexo, como a prospecção ativa de links. Esta estratégia é parecida com a assessoria de imprensa.

No caso da assessoria, os profissionais da área de marketing produzem releases e enviam para os veículos de comunicação a fim de conseguir emplacar os assuntos em sites, jornais, rádios e até emissoras de televisão, apenas com o intuito de divulgar a marca e aparecer nesses canais. E, para obter a publicação, eles tentam estabelecer um bom relacionamento com esses jornalistas.

No link building, a ação é semelhante. Porém, a finalidade é diferente, já que o objetivo não é unicamente colocar a marca nos veículos, mas também ter os seus conteúdos referenciados e os links divulgados.

5. Contato com blogueiros e influenciadores 

Outra forma de atingir bons resultados com a estratégia de link building é estabelecer contatos e parcerias com blogueiros e influenciadores do nicho de atuação da sua empresa. Assim, é possível novamente conseguir uma divulgação da marca e ainda fazer com que sua empresa atinja os diversos seguidores daquele profissional.

Segundo estudo do MindMiners, inclusive, 41% dos respondentes já compraram algum produto ou serviço recomendado por algum influenciador digital.

Como potencializar os resultados do link building com assessoria digital?

O conteúdo inédito e com qualidade é requisito básico, como conversamos, e a experiência do usuário está diretamente conectada com a estruturação do site.

Agora, para contemplar as outras três ações de link building e fortalecê-las a fim de atingir os resultados esperados, com links estratégicos, a assessoria digital é uma solução valiosa.

Afinal, com a assessoria, é possível buscar o contato dos profissionais dos veículos de comunicação e parceiros estratégicos e gerar mailings, oferecendo informações relevantes para eles, ajudando-os a basear as matérias dos portais. 

Para isso, é importante entender o comportamento dos jornalistas e o que eles necessitam em suas matérias. Assim, você pode produzir conteúdos para releases com números, notícias relacionadas, estudos de casos, entrevistas, pesquisas de mercado, cases de sucesso, histórias inspiradoras, novidades e lançamentos de produtos e serviços, entre outros temas.

Consequentemente, essa ação combinada de assessoria digital com link building pode ser mais eficiente e trazer melhores resultados, aumentando a credibilidade, a autoridade e a visibilidade da marca, assim como o tráfego orgânico.

Neste sentido, quando falamos também em parceiros estratégicos nas divulgações, a assessoria digital será a responsável por conversar com blogueiros e influenciadores do ramo. O objetivo é melhorar o relacionamento com eles e estabelecer parcerias para a criação de materiais em conjunto, a veiculação de conteúdos da marca, entre outras ações.

Para saber mais detalhes, acesse o nosso artigo sobre como fazer link building e assessoria digital em empresas B2B.

Como a ASB Marketing pode te ajudar com as estratégias de link building?

O mais importante sobre o link building é entender que não existe um padrão de atividades que serão executadas, vão dar certo e você terá os seus links referendados em sites relevantes e veículos de comunicação.

Este é um trabalho que exige planejamento e esforços bem direcionados para que os resultados sejam alcançados e, como consequência final, seja possível aumentar as vendas do seu negócio.

Por isso, é fundamental contar com um parceiro sólido, experiente e com conhecimento de mercado, como a ASB Marketing. Somos uma agência de marketing digital focada em gerar resultados para os nossos clientes. Para isso, temos um amplo portfólio de soluções de marketing digital e vendas, incluindo o link building e a assessoria digital.

Com nossos serviços, desenvolvemos estratégias personalizadas para atender às necessidades da sua empresa para destacar o seu negócio no mercado. Contamos com profissionais de marketing e jornalistas especializados para entender seu segmento, a concorrência, a persona e quais os parceiros mais relevantes para sua marca.

Assim, construímos uma rede de relacionamento e, com conteúdos ricos, geramos backlinks realmente estratégicos e qualificados. Veja como funciona nossa atuação:

  • Levantamento de parceiros com autoridade;
  • Criação de mailings relevantes e relacionamento com jornalistas;
  • Produção de notas, releases, matérias, blog posts e artigos originais, relevantes e qualificados, de acordo com os objetivos dos nossos clientes;
  • Divulgação de novas soluções para parceiros e mídia digital;
  • Monitoramento da marca com frequência;
  • Acompanhamento das ações realizadas.

Quer saber mais sobre o link building e a assessoria digital e ver os resultados que podemos gerar? Entre em contato conosco agora mesmo!

https://www.asbmarketing.com.br/wp-content/uploads/2020/09/Guia_Como_aumentar_vendas_B2B_em_tempos_de_crise-.pdf