ASB Marketing Link Building

29

agosto

0 Comentário

O que é link building?

Link building é uma ciência e também arte. É, sem dúvida, um dos trabalhos mais árduos em SEO, mas é também um dos mais recompensadores. E não há uma definição por si só, pois definir diminuiria o valor do link building.

Se formos falar a grosso modo, link building é o trabalho/esforço/empenho/tática de adquirir links de outros sites. Isso porque os motores de busca tratam os links como votos e os usam para medir a popularidade e relevância de um site na internet.

É como na vida real: se alguém que você não conhece for apresentado a você por várias pessoas diferentes e todas elas a apresentarem dizendo: “Essa pessoa é excelente em fotografias”, você vai crer que essa pessoa desconhecida seja realmente excelente em fotografia.

Agora imagine a seguinte situação: em vez de pessoas aleatórias, o fotógrafo David LaChapelle fala publicamente que essa mesma pessoa é excelente em fotografia. Você daria muito mais crédito a essa referência, pois ele tem mais autoridade.

Funciona da mesma forma com os motores de busca: eles atribuem valores com base em vários algoritmos a todos os sites da internet, para saber sua relevância e popularidade. E um site sem esses conceitos não consegue um bom posicionamento no ranking do Google, o que impede que ele ganhe um tráfego considerável. Por isso, fazer link building demanda criatividade e capacidade analítica.

O valor de um link building

Nem todo link é igual. Definitivamente. Cada um é avaliado pelo Google de uma forma e atribui valores positivos ou negativos para o seu site. Sim, alguns links podem prejudicar o seu site e até mesmo causar uma punição severa no Google, por isso tome bastante cuidado.

Na época em que os links eram os únicos responsáveis pelo rankeamento de um site, os motores de busca não eram bons em definir a qualidade de um link, eles simplesmente consideravam a quantidade e o texto âncora, a maior referência sobre o assunto da página linkada. Com isso, os “spammers” criaram diversas ferramentas que podiam gerar milhares de links por dia em sites de baixa qualidade e com textos âncoras exatos.

À medida que os motores de buscas foram evoluindo, eles passaram a distinguir o valor de cada link e a sua importância para o rankeamento foi diminuindo. Logo, quem consegue manter-se bem citado por sites que realmente importam será recompensado pelo Google.