ASB Marketing Google

30

agosto

0 Comentário

Como manter seu site nas primeiras posições do Google

  • ASB Marketing
  • Nenhum Comentário
  • Google

Primeiras posições do Google

Para aparecer no topo da primeira página de resultados do Google, existem duas opções: a primeira é a partir da compra de links patrocinados, que coloca o seu site, landing page ou blog entre resultados pagos, que são os primeiros a aparecer; a segunda é mais trabalhosa, já que usa de estratégias e técnicas de SEO para fazer com que o Google encontre a sua página e entenda que é relevante, para, então, colocá-la entre os primeiros resultados.

Para nós agora, nos importa mais a segunda opção. Mas como exatamente é possível usar o SEO para alcançar esses resultados? Leia as dicas abaixo para descobrir.

Palavra-chave: Esse fator irá nortear todo o seu trabalho de SEO. Uma palavra-chave é um termo que pode ser pesquisado em um motor de busca e que redirecionará para diferentes sites. Logo, é preciso definir quais serão os principais termos a serem trabalhados, a partir de pesquisa e de pertinência com seu conteúdo, para escolher as palavras-chave que devem aparecer nas suas produções.

Título da página: Os motores de busca considerarão seu título para saber se a sua página é pertinente para uma determinada pesquisa. Um título com algo em torno de 55 caracteres é, muitas vezes, considerado o ideal (sabendo que o máximo indicado é de 65).

Meta description: Este é um fator muito valorizado pelo Google, isso porque a meta description é um resumo sobre o que se trata o seu site ou uma determinada página. Uma boa meta description não somente é importante para o SEO como pode ser o que vai definir se um usuário clicará ou não no seu site.

Domínio do site: Escolher o domínio apropriado para o seu site, escolher bem o seu nome, faz toda a diferença para o SEO. Pode ser difícil encontrar um domínio disponível com uma palavra-chave que você deseja, mas se você trabalha com eletrodomésticos, por exemplo, e consegue por a palavra “eletro” no seu domínio, o Google já terá mais um motivo para relacioná-lo com o tema.

URL: Os motores de busca valorizam URLs que trazem palavras que se relacionam diretamente com o conteúdo apresentado, com uso de poucas palavras-chave, e URLs bem pensadas são feitas para serem facilmente encontradas.

Imagens: Só o fato de apresentar imagens já faz com que o seu conteúdo fique mais rico e agradável, o que é valorizado pelo Google. No entanto, é possível fazer com que as imagens estejam atreladas a palavras, que serão consideradas pelos algoritmos. Logo, é preciso definir bons nomes para imagens, assim como é interessante colocar uma legenda para cada imagem presente, sempre relacionando com o conteúdo da imagem e do restante da página.